Suponha que eu e você tenhamos a mesma quantidade de dinheiro. Quanto tenho de dar-te para que tenhas R$ 10,00 a mais que eu?

Pergunta

Suponha que eu e você tenhamos a mesma quantidade de dinheiro. Quanto tenho de dar-te para que tenhas R$ 10,00 a mais que eu?

Resposta

Para responder a essa pergunta, precisamos pensar em quantidades de dinheiro que possam ser iguais, mas que depois de uma transferência, uma pessoa fique com R$10,00 a mais do que a outra. Podemos pensar nessa transferência como um “aumento” no dinheiro de uma pessoa e uma “diminuição” no dinheiro da outra.

Podemos começar resolvendo essa pergunta de forma geral. Se cada pessoa tem X reais e uma pessoa precisa ter Y reais a mais, então a pessoa que recebe a transferência precisa receber Y/2 reais. A outra pessoa ficará com X – Y/2 reais.

No nosso caso específico, Y é igual a R$10,00, já que uma pessoa precisa ter R$10,00 a mais do que a outra. Então, substituindo Y por R$10,00, temos que a pessoa que receberá o dinheiro precisa receber R$5,00 (pois Y/2 = R$10,00/2 = R$5,00). A outra pessoa ficará com X – Y/2 = X – R$5,00.

Portanto, para a pessoa ter R$10,00 a mais do que a outra, a pessoa precisa receber R$5,00, o que fará com que ela tenha R$10,00 a mais do que a outra.

Conclusão

Para uma pessoa ter R$10,00 a mais do que a outra, a pessoa que receberá o dinheiro precisa receber metade desse valor, ou seja, R$5,00. 

É importante lembrar que esse valor pode variar dependendo do valor inicial do dinheiro de cada pessoa, mas a lógica é a mesma: uma pessoa precisa receber metade da diferença desejada para que a outra pessoa tenha um valor maior.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem