Um Resumo sobre o Governo João Goulart

João Goulart, frequentemente referido como “Jango”, foi o 24º presidente do Brasil, governando de 1961 a 1964. Ele é lembrado por seu governo progressista e suas tentativas de implementar reformas sociais e econômicas no país. Aqui está um breve resumo de seu governo:

Início de Mandato

  • Vice-presidente: Antes de se tornar presidente, Goulart foi vice-presidente sob Juscelino Kubitschek e Jânio Quadros. Ele assumiu a presidência após a renúncia de Quadros em 1961.
  • Sistema Parlamentarista: Devido a preocupações políticas e militares sobre sua posse, o Brasil adotou brevemente um sistema parlamentarista, que limitava os poderes de Goulart. No entanto, em 1963, um plebiscito restaurou o sistema presidencialista, dando a Goulart plenos poderes presidenciais.

Reformas e Políticas

  • Reformas de Base: Goulart propôs uma série de reformas conhecidas como “Reformas de Base”, que incluíam reforma agrária, reforma urbana, reforma tributária e reforma educacional. Essas reformas visavam a reduzir as desigualdades sociais e econômicas no Brasil.
  • Relações Exteriores: Durante seu mandato, Goulart buscou uma política externa independente, estabelecendo relações com nações socialistas e não-alinhadas.
  • Economia: O governo Goulart enfrentou desafios econômicos, incluindo inflação e dívida externa. Ele tentou implementar políticas para estabilizar a economia, mas enfrentou resistência de setores conservadores.

Fim do Mandato e Golpe Militar

  • Em 1964, Goulart foi deposto por um golpe militar, que estabeleceu uma ditadura que durou até 1985. O golpe foi justificado pelos militares como uma necessidade para evitar uma suposta “comunização” do Brasil.
  • Após o golpe, Goulart viveu no exílio no Uruguai e na Argentina, onde faleceu em 1976. Sua morte é cercada de controvérsias, com alegações de que ele pode ter sido envenenado.

Legado

O legado de João Goulart é complexo. Enquanto alguns o veem como um líder progressista que buscou melhorar a vida dos brasileiros mais pobres, outros o criticam por sua gestão econômica e suas alianças políticas. O que é inegável é o impacto duradouro de seu governo na história política e social do Brasil.


Fonte: Wikipedia.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem